Na última quinta-feira (19/01), Leila Bueno, sócia-diretora comercial da BUENO, participou de uma live com a Fernanda Pradella, assessora cerimonial, especialista em casamentos. A proposta desse bate-papo foi conversar sobre a importância da cenografia na transformação de ambientes. Ou seja, como despertar sensações e provocar os sentidos por meio da ambientação.

O casamento, por exemplo, é desde sempre uma data muito especial, seja: uma festa tradicional, no campo ou na beira da praia. Sem dúvidas, o primor pelos detalhes se faz indispensável. Por isso, o papel da cenografia é fundamental para transformar o sonho de uma festa perfeita em realidade.

O conceito de arquitetura cenográfica vai muito além da decoração de um ambiente. Trata-se de um trabalho em conjunto com diversas inteligências multidisciplinares focado em transformar ambientes e provocar experiências por meio da sensorialidade.

Para Leila Bueno é fundamental a transformação do ambiente, principalmente numa data tão bonita como essa. “Nem sempre o local está de acordo com as expectativas dos noivos. Então, a função da cenografia é modificar tudo de tal forma que fique exatamente como eles sempre sonharam”, explica.

Se uma noiva tem o desejo de se casar na praia, mas não tem condições, por meio da cenografia é possível fazer a caracterização desse espaço e ambientá-lo de forma a ficar o mais próximo possível da realidade. A arquitetura cenográfica pode ser lúdica, conceitual, clássica ou contemporânea. O mais importante é que faça sentido e possa transmitir um significado para todos os envolvidos.

Mas como despertar sensações nas pessoas?

Se na arquitetura cenográfica existe um mundo de possibilidades, por meio do marketing sensorial ou, por assim dizer, arquitetura sinestésica, também é possível despertar os 5 sentidos. Isso mesmo. Visão, paladar, olfato, audição e tato. Todos podem ser ativados e mexer com o inconsciente.

O olfato pode ser ativado com o uso de fragrâncias ou aromas sutis, por exemplo. A visão pode ser provocada em um jogo de cores, já que cada cor tem um significado e, por assim dizer, pode despertar uma energia. A audição pode ser ativada ao utilizar um mix de trilhas ou efeitos sonoros e assim sucessivamente.

Leila explica que só é possível tornar um evento inesquecível quando todos os sentidos dos convidados são ativados. “Há tanto tempo trabalhando com arquitetura cenográfica e transformação de ambientes, que eu acredito e defendo muito isso. Nossa intenção é fazer com que ele possa sentir algum tipo de experiência e interagir com o ambiente. Desta forma, o evento passa a ter um significado maior, tornando-se assim inesquecível e especial”, finaliza.

Se você quiser assistir todo bate papo e conferir todos os detalhes, não deixe de conferir a live completa no facebook.